Da Africa Eco Race ao Dakar 2018: IVECO enfrentou as competições mais duras do mundo
Competindo em diversos continentes nos ralis mais duros do mundo, a IVECO põe à prova a performance e a fiabilidade dos seus camiões, tendo alcançado a vitória na “Africa Eco Race 2018” e posicionando-se no top-10 do “Dakar 2018”.
Vencedor da derradeira Etapa do Dakar e proporcionando, assim, à IVECO a sua 6ª vitória em Especiais ao longo das duas semanas da competição, Ton Van Genugten ultrapassou todas as dificuldades encontradas em algumas Etapas e terminou a prova na 8ª posição.
Ao volante do seu IVECO Powerstar, Artur Ardavichus foi progredindo gradualmente na classificação e chegou ao fim do rali no 4º lugar.
Mais uma vez, a IVECO sujeitou os seus camiões aos mais exigentes testes, competindo nos ralis mais difíceis do mundo: por um lado obteve o primeiro lugar do pódio da categoria “Camiões” na “Africa Eco Race 2018”, colocando também dois veículos entre os 10 primeiros do “Dakar 2018”. Nesta edição do rali sul-americano, a IVECO – vencedora das edições de 2012 e 2016 do Dakar com Gerard de Rooy – alcançou o maior número de vitórias em Etapas. Integrando o Team PETRONAS De Rooy IVECO, Ton Van Genugten e Artur Ardavichus alcançaram, ambos, posições no top-10 final da prova. 
O holandês Van Genugten somou 3 vitórias em Etapas – incluindo a última Especial do rali – e terminou no 8º lugar. Protagonista de grande regularidade ao longo de todo o rali, o seu colega Ardavichus progrediu de forma consistente até ao 4º lugar final deste “Dakar 2018”. Este resultado sucede à sua estreia no Team PETRONAS De Rooy IVECO no “Silk Way Rally 2017”, onde também conquistou um 4º lugar final. Protagonista de uma excelente prova, com a vitória em duas Etapas e um total de 8 subidas ao pódio, Federico Villagra comandava o rali quando, infelizmente, foi forçado a abandonar a prova na penúltima Etapa.
Pierre Lahutte, Presidente da Marca IVECO, comentou:

“Mais uma vez, os veículos IVECO demonstraram claramente a sua reputação ‘off-road’ nas competições mais duras do mundo, a “Africa Eco Race 2018” e o “Dakar 2018”. Estes resultados destacam amplamente a qualidade e a fiabilidade dos veículos todo-o-terreno da IVECO, que foram uma presença constante nos primeiros lugares destes ralis, com pistas extremamente difíceis e nas condições mais exigentes que se possam imaginar. Gostaria de agradecer aos nossos pilotos e às suas equipas pela determinação demonstrada ao trazer para casa estes enormes feitos.”



Comunicado Oficial