Em mais um dia em que não foi possível cumprir o programa previamente estabelecido para a edição de 2017 do Rallye OiLibya du Maroc os concorrentes tiveram pela frente uma especial cronometrada com 170,86 quilómetros de extensão onde Mário Patrão averbou o 12º tempo a 7m40s do vencedor.
O piloto apoiado pelo Crédito Agrícola aos comandos de uma KTM 450 Rally gastou 2h03m o que lhe confere a décima posição de uma classificação geral totalmente composta por grandes nomes do motociclismo mundial na especialidade de todo-o-terreno.
Para Mário Patrão, que conta entre outros com o apoio da MaçonLux, salienta que

“o mais importante é continuar a fazer quilómetros e a evoluir sem cometer erros. Felizmente tem estado tudo a correr como tinha sido planeado e os objetivos estão a ser cumpridos. Ultrapassámos uma dura e difícil etapa maratona, numa prova que está a ser um pouco diferente do que é habitual devido às condições meteorológicas”. 

Os concorrentes a esta última jornada do Campeonato do Mundo de Cross Country enfrentam amanhã o derradeiro dia de prova para o qual estão previstos dois setores seletivos. O primeiro terá 179,5 quilómetros e o final será de apenas 8,65 km.


Comunicado Oficial