Baja TT ACP 2020: MRacing quer mais e melhor na segunda etapa do CPTT 2020

O próximo fim-de-semana marca o regresso do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno AM48 com a realização da “Baja TT ACP Santiago/Grândola”, a segunda prova do calendário desportivo, com a MRacing a marcar presença com três equipas.

Depois de um auspicioso arranque em Beja, a equipa está motivada e com ambição de melhorar os resultados anteriormente obtidos, esperando que não surjam complicações que impeçam o cumprimento deste objetivo.

Com intenso trabalho realizado no curto espaço de tempo que separou estas duas provas, a MRacing terá em ação Alejandro Martins e José Marques no Mini John Cooper Works, Paulo Rui Ferreira e Jorge Monteiro alinham com a Toyota Hilux e querem voltar a lutar pelos lugares cimeiros, e a fechar Henrique Lourenço e João Lourenço com a Nissan Navarra Off Road. 

Esta é uma prova nova, com a chancela de qualidade organizativa do Automóvel Clube de Portugal, e que segundo Manuel Russo,

“É uma corrida muito bem-vinda, muito agradável, e seguramente trará algo mais ao campeonato pois fazia falta a utilização de terrenos novos e mais diversificados. Sentimo-nos preparados para que tudo corra bem depois do trabalho de preparação realizado, e estamos ansiosos por bons resultados nesta Baja.”

Desenhado ao longo dos Concelhos de Santiago do Cacém e Grândola, o percurso da “Baja TT ACP” terá uma grande extensão também em pisos arenosos, uma novidade em provas nacionais, que aumenta a expectativa quanto aos resultados finais fruto desta inovação.

Na sexta-feira decorre a partida simbólica, com a competição efetiva a iniciar-se no Sábado, com o prólogo e mais dois sectores selectivos, e no Domingo, mais dois sectores cronometrados antes da chegada ao pódio final em Santiago do Cacém, previsto para as 15h30.


Comunicado oficial

Toyota, CPTT, MRacing, Alejandro Martins, Nissan, Mini, Baja TT ACP, ACP, Grandola, Santiago do Cacem, X-Raid, Paulo Ferreira, Henrique Lourenço, Navara