Baja Portalegre 2020: André Amaral em destaque

 

André Amaral regressou na mítica Baja de Portalegre 500 às provas do Campeonato de Portugal de TT AM48 depois de ter estado parado desde março devido a uma lesão.  Apesar da paragem forçada, o piloto de Barcelos mostrou mais uma vez toda a sua enorme competitividade ao terminar nesta mítica prova alentejana a corrida numa posição que lhe permitiu somar a pontuação máxima para o CPTT.

Navegado pelo experiente Nelson Ramos e aos comandos de uma Ford Ranger o piloto de Barcelos não iniciou esta corrida da melhor forma pois um contratempo a meio do segundo setor seletivo da corrida obrigou a equipa a perder muito tempo o que implicou terminar a 1ª etapa em 18º lugar.

No entanto, e apesar das difíceis condições meteorológicas que forçaram a organização a anular o SS3 e a encurtar o SS4, André Amaral encetou uma brilhante recuperação que lhe permitiu chegar ao fim da corrida com um excelente resultado:

“a prova não começou da melhor forma. Ficámos atascado logo no primeiro dia e tivemos muito tempo para resolver a situação. No segundo dia tivemos poucos quilómetros para recuperar. Mesmo assim conseguimos a pontuação máxima para o campeonato. Foi pena não ter havido mais quilómetros porque a prova soube a pouco”,

referiu André Amaral que concluiu a prova no 11º posto absoluto.

Em consequência do atual contexto provocado pela pandemia Covid-19 a Baja TT Idanha-a-Nova teve de ser cancelada pelo que 34ª Edição da Baja Portalegre 500 colocou um ponto final na edição de 2020 do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno AM48.

 

Comunicado Oficial

AUTOMOVEIS
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • 6
  • 7
  • 8
  • 9
  • 10
  • 11
  • 12
  • 13
  • 14
  • 15
  • 16
  • 17
  • 18
  • 19
  • 20

 

Don't try this at home